O Solstício

 

Ela se alegrava com cada hora ganha ao longo da Primavera. Por toda a estação, via os dias cada vez mais longos, o sol brilhando por cada vez mais tempo. As noites consequentemente curtas, o sol já de volta às cinco da manhã.

No dia do Solstício de Verão, eram cerca de dez horas da noite e tudo ainda estava um pouco claro, um quê de fim de tarde. Ganha-se horas, humor (o bom, claro), claridade, temperaturas amenas. Reclamou um pouco por ter chovido, pela semana atipicamente fria para os padrões da estação. Mas tudo bem. É verão! Isso é o que importa.

O que ela não se dá conta é que, a partir de agora, o caminho é inverso. A cada dia que passa, mais curto é o tempo de claridade. Com a chegada do Verão, caminha-se lentamente para o Inverno.

Ela sabe disso. Percebe que aproveitou a Primavera menos do que gostaria, que poderia ter aproveitado seu tempo livre de outra forma, ainda que ele tenha sido relativamente escasso. Os passeios de bicicleta planejados, as idas para belos lugares nas redondezas, as caminhadas na montanha.

Fechou-se um pouco, não viu ao redor, fez menos amigos novos do que gostaria. Reconheceu isso em algum momento, procurou reação, mas aconteceu tanta coisa! alguns fantasmas do passado que insistem em ser presentes, a expectativa adiada do amado que ainda não chegou para ficar.

Curiosamente, viver em terras onde se tem quatro estações traz a percepção de todas as fases dos ciclos de vida, e de sua conexão com esse ciclo maior: o da natureza.

Hoje ela se sentiu frustrada. Quis fazer e viver coisas que não fez. Vendo a metade cheia do copo, ainda há tempo. O verão está apenas começando. Vendo a metade vazia do copo, é importante perceber essa verdade imutável: o tempo passa muito rápido e, de repente, tudo pode ter que ser adiado para a primavera que vem. No ano que vem.

 

Anúncios

Um pensamento sobre “O Solstício

  1. Lindo o texto! Esta caída de ficha também me acometeu… e o caminho inverso do calor e claridade assustam um pouco. Mas a primavera do ano que vêm, virá. E o ciclo se renova.
    Abs
    Márcia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s